logo

Conquistando os hispters

Como preparar o ponto de venda para receber um público que hoje em dia dá mais valor a experiência do que a posse?

Um das maneiras é investir numa “pegada mais artesanal”, que faz o cliente remeter a épocas antigas. Quando decoramos o espaço com elementos de tempos remotos como um saco de farinha com uma canequinha, por exemplo, imediatamente levamos o consumidor compreender que aquilo veio do artesanal, algo que tem raízes nos tempos dos avôs e que, por isso, são produtos de qualidade.

Esse tipo de espaço costuma movimentar muitos fãs da cultura hipster, grupo de pessoas que são saudosistas recorrentes, que não só escolhem o espaço comercial para consumir seus produtos como também compartilham sua experiência com seus amigos, sua comunidade, seus seguidores nas redes sociais. Pense nisso!

Para ver mais fotos desse projeto, acesse: http://estelanetto.com.br/projeto/loja-emporio-bosco-armazem/

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *